O livro_ 2 capítulo

Desenterrado por

Eu gritei quando vi uma menina, que apareceu ali do nada, ela era extremamente pálida, com longos cabelos loiros e lisos, olhas verdes e ela carregava consigo um urso, que tinha um sorriso muito assustador, para um brinquedo de criança, ele era todo remendado, como se tivesse sido esfaquiado, Katy se virou com medo e viu a menina, que não tirava os olhos de mim, então depois de um tempo ela disse ” Você….. não devia….. ter tocado…no… livro….. dele…” ela fez algumas pausas entre as palavras, e as repetiu três vezes, eu mesmo com medo perguntei “ele?” Ela então disse “Eu estou avisando ouça sua irmã, vá embora antes que seja tarde….. ele não gosta de pessoas enxeridas” ela fez uma pausa “se decidir ficar, não diga que eu não avisei…. ele não gosta de você… mas ele ainda pode te deixar ir, mas se ficar….” se eu ficar oque, foi oque eu pensei mas tudo que eu fiz, foi abrir o livro, no mesmo instante, o urso fez um sorriso pior que o era antes, dele saiu um vulto preto muito grande com, mais de vinte olhos e então ele disse “vá em frente, leia em voz alta” a voz era macabra e misturava a voz de um jovem, com uma voz rouca e velha, tudo que eu fiz foi ler ” O demônio é liberto ao livro ser aberto, o livro é a chave para sua liberdade, quem ousar o abrir, não merecerá ter sanidade,  quem o poema ler poderá o demônio ver: você foi o escolhido…..” no mesmo momento eu senti algo agarrar minha perna…..

[continua]